No rastro do temporal, destruição e dor

por Sulamita Esteliam O dilúvio encobriu minha Macondo de origem de água, lama e escombros. Os mortos se contam às dezenas – 13 em Belo Horizonte, 47 em Minas Gerais, 4 desaparecidos e 65 feridos. Se contar todo o período chuvoso, desde fins de outubro, início de novembro, chegam a 57 óbitos. A capital e … Mais No rastro do temporal, destruição e dor

Mãe-Anja e a empatia perdida no delírio coletivo do não-ser…

por Sulamita Esteliam Ser mulher é um capricho de Deus, assim como, “o homem é um adjetivo de Deus”, na tradução da admirável Adélia Prado, conterrânea das Gerais. Ser mãe é uma condição feminina desafiadora, complexa por natureza, imperfeita por consequência humana. Daí, supõe-se, a expressão corriqueira, e o sentimento recorrente de que “a culpa … Mais Mãe-Anja e a empatia perdida no delírio coletivo do não-ser…

Violência contra a mulher é problema da sociedade, de todos nós

por Sulamita Esteliam Domingo pela manhã, as mulheres caminharam pela beira-mar de Boa Viagem, Zona Sul do Recife, em ato pelo fim da violência contra a mulher. Em Beagá, minha Macondo de origem, também houve passeata com o mesmo propósito, a partir da Praça da Liberdade até a Av. Afonso Pena, no centro da cidade. … Mais Violência contra a mulher é problema da sociedade, de todos nós