Mineiros de Plínio estão com Dilma

Por Sulamita Esteliam

Hoje, à hora do almoço,  postei no Facebook um apelo à minha terrinha. Lá, ao que parece, o preconceito contra Dilma anda correndo solto. Talvez alimentado pelo ranço machista e conservador que  ainda sobrevive sob o que restou  das nossas montanhas de ferro e dor. Eis a postagem:

Ei, Minas, ei Minas! É hora de decidir, Minas, olha a responsa…! Dia 31 é 13.

*************************************

Há pouco, recebi mensagem do meu amigo Eduardo Campos, jornalista e advogado mineiro, que votou em Plínio de Arruda Sampaio, no primeiro turno. Ele informa que os integrantes do movimento Popular Plínio Presidente MG se reuniram, dia 10, e formalizaram a indicação de voto em Dilma no segundo turno – “para barrar a ameaça de retrocesso representado pela candidatura Serra”.  Para ler a íntegra do manifesto clique aqui:  Derrotar o Bloco PSDB

Ei, Minas, ei Minas! Alvíssaras!

4 comentários

  1. E aí, mineiribucana… ou pernambeira… realmente, não é só preconceito.
    Tem algo errado, constatado pela nossa colega Virgínia, não se vê a campanha da Dilma nas ruas. A capital tá meio parada… Talvez um pouco assustada com alguns deputados que consiguiram ser eleitos. Inclusive lá da sua terra /contagem.
    Enfim, vamos em frente. SEM RETROCESSO.

    1. Parece que a campanha foi pra rua neste sábado, com a carreata de Dilma, Lula, José Alencar: vi as fotos. A primeira semana pós eleiçãoé assim mesmo, de refluxo. A tendência, agora, é engrenar; espero. Creio que você quiz dizer a não eleição de alguns deputados. Estou fora de Minas há anos, mas realmente Nilmário não ter sido eleito é espantoso! Nada contra Contagem, ao contrário… Mas o Bairro das Indústrias é Beagá, periferia esquecida na região do Barreiro, mas BH.

  2. Oi, Sulamita! Quantos anos, menina! Bom saber que vc está firme e forte aí nessa terra. Bom saber tb que continua atuando politicamente. A carreata da Dilma ontem em BH foi muito boa, mas um pouco desorganizada. Acho que faltaram batedores para parar o trânsito e termos uma ideia exata da dimensão de carros. A finalização na Praça Sete, com um comício, foi ótima! Tinha muito mais que os 4 mil divulgados pelo EM. Abs,

    1. Oi, Vilma, bom demais de ter por aqui. Fico feliz com as notícias da campanha aí em Beagá: povo na rua é fundamental, de qualquer maneira, desde que com verdade. É uma forma de exorcizar a baixaria que tenta levar o exercício legítimo da cidadania para esgoto. Saravá!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s