Estelionato político-religioso

Por Sulamita Esteliam

Estou estarrecida e enojada com o uso político da fé nesta campanha presidencial. Políticos, asseclas e, pior, setores da Igreja – ou pessoas em seu nome – abusam da mentira, da manipulação, da prepotência e do preconceito para demolir a imagem e tentar retirar votos de Dilma, candidata do PT, em favor do Zé adversário. Terror e estelionato político-religioso. Obscurantismo, puro e simples.

Vi o Mundo vai na mosca: "Panfletagem de batina"

O assunto está em todos os blogues, a partir de dois acontecimentos-bomba no fim de semana, envolvendo o candidato tucano e e a Igreja Católica:

1. Em Canindé, no Ceará, onde o Zé aproveitou a romaria de São Francisco para fazer campanha, o padre Francisco Gonçalves, de  Pesqueiraq, Pernambuco, ousou apontar a falsidade dos panfletos contra Dilma, em nome da Igreja. Foi atacado por Tasso Jereissati, ex-governador e candidato derrotado ao Senado; aliás, num surto típico de seu alterego, “coronezinho de zói azul” -como é conhecido no do estado.

O padre teve que deixar o templo sob segurança, conta o Vermelho. A Globo não mostrou o tumulto. Mas a CBN registrou e o áudio está aqui. O Vi o Mundo comenta o episódio lamentável. O Luiz Nassif On Line também tem os áudios da fala do padre em diferentes momentos da celebração.

2. Em São Paulo, militantes do PT acionaram a polícia e fizeram vigília, de sábado para domingo, para barrar a saída de 2 milhões de panfletos caluniadores de uma gráfica no Cambuci. Um flagrante crime eleitoral, sobre o qual o PT exigiu investigação. E obteve, na noite do domingo, liminar do TSE para busca e apreensão, segundo informa o blogue do Luiz Nassif. Sobre o flagrante delito, leia também artigo de Luciano Martins Costa, do Observatório de Imprensa, postado em Carta Maior.

Os panfletos teriam sido encomendados pelo bispo da Regional Sul, da CNBB. Entretanto, descobriu-se que uma das sócias da gráfica é do PSDB.

*********************************************

Transcrevo, abaixo, o furo do Rodrigo Vianna, do Escrevinhador a respeito.  Leia, também, o Conversa Afiada e NaMaria News.

Panfletos contra Dilma: católicos ou tucanos?

Exclusivo: dona da gráfica é do PSDB!

publicada domingo, 17/10/2010 às 04:26 e atualizada domingo, 17/10/2010 às 05:17

Já passava das 2 da manhã desse domingo. Na porta da gráfica Pana, no Cambuci, um grupo de 50 a 60 pessoas seguia de plantão – para evitar a distribuição dos panfletos ( supostamente encomendados pelo bispo católico de Guarulhos)  recheados de mistificação religiosa e de ataques contra a candidata Dilma Rousseff. Mais um capítulo da guerra suja travada nessa que já é a mais imunda eleição presidencial, desde a redemocratização do Brasil.

Na internet, durante a madrugada, outro plantão rolava: tuiteiros, blogueiros e leitores de todo o Brasil buscavam informações sobre os donos da gráfica, e sobre as possíveis conexões deles com o mundo político.

Stanley Burburinho (ele mesmo!) e Carlos Teixeira fizeram o trabalho. Troquei com eles algumas dezenas de mensagens. E essa apuração colaborativa levou à descoberta: uma das sócias da gráfica Pana é filiada ao PSDB, desde 1991!

Trata-se de Arlety Satiko Kobayashi, vinculada ao diretório da Bela Vista – região central de São Paulo. Nenhum problema com a filiação de Arlety ao partido que bem entender. O problema é que a gráfica dela foi usada para imprimir panfletos aparentemente encomendados por um bispo, mas que “coincidentemente”, favorecem ao candidato do partido dela.

Aqui, o contrato social da empresa – onde Arlety Kobayashi aparece como uma das sócias:contrato_social_grafica_pana[1]

aqui a lista de filados do PSDB, onde ela aparece no diretório zonal da Bela Vista.

Mais um detalhe: Arlety é também funcionária pública, tem cargo na Assembléia Legislativa de São Paulo. E tem um sobrenome com história entre os tucanos: Kobayashi. Paulo Kobayashi ajudou a fundar o partido, ao lado de Covas, foi vereador e deputado por São Paulo.

Arlety aparece como doadora da campanha de Victor Kobayashi ao cargo de vereador, em 2008. Victor concorreu pelo PSDB.

A conexão está clara. Os tucanos precisam explicar:

– por que o panfleto com calúnias contra Dilma foi impresso na gráfica de uma militante do PSDB?

– quem pagou: o bispo de Guarulhos, algum partido, ou a Igreja?

– onde seriam distribuídos os panfletos?

– onde estão os outros milhares de panfletos?

Os panfletos do Cambuci são mais uma prova da conexão nefasta que, nesa eleição, aproximou os tucanos da direita religiosa – jogando no lixo a história de Covas, Montoro e tantos outros que lutaram para criar um partido “moderno”, que renovasse os costumes políticos do país. Serra lançou esse passado no esgoto – e promoveu uma campanha movida a furor religioso.

Mas não é só isso!

Se Arlety Kobayashi (uma tucana) é a responsável pela impressão dos panfletos, na outra ponta quem é o sujeito que encomendou tudo?

O Blog “NaMaria” traz a investigação completa, que aponta Kelmon Luis da S. Souza como o autor da “encomenda”. Ele teria ligações com movimentos integralistas e monarquistas!

O Blog do Nassif , por sua vez, mostra que as conexões poderiam chegar até bem perto de Índio da Costa (DEM), o vice de Serra. Ele, em algum momento, também teve proximidade com monarquistas. Mas esse detalhe ainda não está bem esclarecido.

De toda forma, o círculo se fecha: tucanos, demos e a extrema-direita (católica, integralista ou monarquista). Todos unificados numa barafunda eleitoral que arrastou nomes de bispos para a delegacia, e nomes de políticos para o rol daqueles que apostam na guerra de religiões como arma eleitoral.

Há mais mistérios entre o céu e  o Serra do que supõe nossa vã filosofia. Paulo Preto é um deles. A gráfica do Cambuci parece ser outro. Mistérios que não serão decifrados por teólogos, mas por delegados e agentes federais.

É caso de polícia. E não de religião.


3 comentários sobre “Estelionato político-religioso

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s