Mães, vadias, blogueiras: mulheres pela vida e contra a estupidez

por Sulamita Esteliam

“Coragem é enfrentar todo um sistema que insiste em perpetuar preconceitos. “

Foto: blogue da Fátima Vieira - João Pessoa-PB

A frase é de Lola Aronovich, professora da UFC, com mestrado e doutorado em língua inglesa, do blogue Escreva Lola Escreva. Lola, que faz aniversário hoje – soube no blogue – está sob ameaça de processo pelo grão-vizir-cequecista, Marcelo Tas.

Ele que vive de dizer o que bem quer sobre e contra quem se lhe aprouvem. Paladino do políticamente incorreto, não gosta de críticas. Talvez porque se ache acima do bem e do mal.

É o tal negócio, liberdade de expressão boa é a nossa. Maneira politicamente correta de dizer o popular “no dos outros é refresco”.

A 1ª Marcha das Vadias brasileiras, em São Paulo, no domingo, 05, homenageia Lola e de debocha - Foto capturada no blogue da Lola

Então, de vez em quando, até que seria bom provar um pouco do próprio veneno. Ainda que as críticas de Lola possam, na comparação, ser consideradas antídotos para sem-limites: aqui e, pós-ameaça, aqui. Lola ganhou a solidariedade da blogosfera, feminista, feminina e masculina, “suja”. Tornou-se musa.

O rapaz, que um dia inovou o jornalismo televisivo -quem tem mais de 30, e boa memória, há de se lembrar do engraçado repórter Ernesto Varela, nos anos 80 – perdeu a mão e o senso. Panicficou-se (releitura nordestinada de Ruy Castro – acesso no fecho desta postagem). Pior é que fez pupilos.

As piadas, de gosto inqualificável – aqui neste blogue -, começam a sair pela culatra. A Marcha das Vadias, no sábado, 04, em São Paulo, terminou em protesto em frente ao clube onde parceiros de Tas fazem piadas com estupro e antisemitismo.

A marcha é inspirada no protesto canadense – Sluts Walks – contra a criminalização das vítimas de estupro, da violência contra a mulher. Dia 18, estará em Brasília, concidindo com o 2º Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas e com a Marcha da Liberdade. Saída em frente ao Conjunto Nacional.

Lá, na Holanda, um policial aconselhou as mulheres a não se vestirem como “vagabundas para evitar serem estupradas”. Aqui, um rapaz acha que faz rir ao afirmar que “mulher feia deve agradecer o estuprador”.

Foto blogue Viva Mulher

Este mesmo moço, que por acaso é gaúcho, tem problemas com peito de mulher – como fonte de alimento para bebês, pelo menos. Provavelmente, ainda não saiu da fase oral.

No Parque Municipal, centro de Beagá, jovens mães amamentam seus bebês - Foto: EM

E foi, exatamente, esse o ponto de partida da crítica de Lola, que Marcelo Tas -que se acha dono do mundo e senhor da verdade e da razão absolutas -, quer calar pela força da intimidação.

Em trio, na versão da rede de computadores, fez-se vários  comentários arrevezados em torno do Mamaço nacional. Protesto convocado para o último domingo em várias capitais brasileiras – inclusive no Recife e em Beagá.

Nada mais, nada menos, que a propagação do ato original contra a proibição, pelo Itaú Cultural, na São Paulo de Tas, de que uma mãe amamentasse seu filho em público.

Virou piada, no estilo cequecista. O jornalista e escritor, Ruy Castro, aliás, já refletiu sobre – lembra o Sandálias do Pirata: “Eles não estão lá para divertir ninguém, mas para se divertirem. Custe o que custar”: aqui.

No domingo, 05, um Mamaço  aconteceu, também, virtualmente, e este foi dedicado à Lola: “São mais de 33 posts na Rede Mulher e Mãe, todos ótimos, mostrando que a briga não é entre Tas e eu, mas entre a misoginia repressora e a liberdade da mulher”, escreve em seu blogue. Outra blogagem coletiva, contra piadas machistas, está no ar, proposta pela Patrícia, do Vida sem Manual.

Blogueiras e Blogueiros Progressistas, “suja/os” como Euzinha, também iniciaram uma blogagem -solidária: se o Tas é chegado num processo, tem muito o que e a quem processar.


4 comentários sobre “Mães, vadias, blogueiras: mulheres pela vida e contra a estupidez

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s