Por que e por quem As Vadias marcham

por Sulamita Esteliam
Em São Paulo, a manifestação levou centenas à Av. Paulista - Foto: R7

Depois de São Paulo e Salvador, dia 04 e Recife, dia 11, a Marcha das Vadias ganha o Distrito Federal, Belo Horizonte, Juiz de Fora, Curitiba, Paraíba e na Cidade de Goiás/Go, patrimônio histórico da humanidade, no sábado, 18.  Protesto contra a tentativa de culpar as mulheres e seus hábitos de vestir pela violência sexual-machista da qual são vítimas. É a versão século XXI da queima de sutiãs em praça pública. Leia manifesto mais abaixo.

Em alguns lugares, como na capital federal e em Beagá, As Vadias se unem aos manifestantes da Marcha da Liberdade, que ocorre país afora,  em defesa da descriminalização da maconha e da liberdade de expressão. Agora sob as bençãos do STF – Supremo Tribunal Federal, que decidiu, à luz da Constituição Federal, encerrar a brincadeirinha de mau gosto de alguns juízes que andaram proibindo a manifestação, sob o argumento de “apologia à droga”.

A Marcha das Vadias – Sluts Walk nasceu em Toronto, no Canadá, em fins de abril, e se espalhou pelo mundo.  Um policial sugeriu, em palestra a estudantes, que elas evitariam ser estupradas se não se vestissem “como vagabundas”. Não sabia ele em que se metia.  Clique e leia neste blogue sobre as manifestações em Sampa e no Recife (veja mais fotos no Facebook da marcha recifense).

Salvador também prepara a sua, mas não encontrei confirmação da data, se agora, se dia 02 de julho, data cívica baiana. Rio de Janeiro está discutindo data.

**************************************

Em Belo Horizonte, as vagabas se encontram na Praça da Rodoviária, às 13 horas. De lá, seguem para a Praça da Estação, passando pela Guaicurus – tradicional reduto de prostituição – onde se encontram com a Marcha da Liberdade. E daí seguem juntas para a Praça da Liberdade. O lema, como nas marchas co-irmãs, é: “Minha roupa não é convite à violência, física ou verbal”.

As organizadoras estão recrutando colaboradoras/es que queiram que possam produzir cartazes, fazer performances na concentração e registro audiovisual. Sugerem que as/os manifestantes levem um pano colorido que caiba a sua mão e um beijo impressos; uma grande colcha de retalhos será confeccionada no local. Sim, cada qual com seu batom, vermelho de preferência. Aqui, no Facebook.

****************************************

Em João Pessoa/PB, a marcha acontece pela manhã, com concentração na Praça Rio Branco, a partir das 9:00, creio. Na Cidade de Goiás, a manifestação será à tarde, saindo da Praça do Coreto, onde se concentra a partir das 17 horas.

Em Brasília, As Vadias se reúnem a partir do meio dia, na praça em frente ao Conjunto Nacional. O percurso inclui a rodoviária do Plano Piloto, a Torre de TV e de lá segue para se encontrar com a Marcha da Liberdade, no Parque da Cidade. O protesto já é notícia no Correio Braziliense, e tem manifesto contudente, como deve ser. Clique no acesso abaixo para ler.

carta manifesto marcha das vadias

3 comentários

  1. Vamos ter uma Sluts Walk em Belém já com data confirmada para 16/07/2011 acredito que seja importante para nós mulheres esse manifesto de renome mundial,afina não somos santas…não somos putas…SOMOS LIVRES!!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s