SOS Joelma, uma defensora da floresta

por Sulamita Esteliam

Maria Joelma Dias da Costa é uma das muitas pessoas ameaçadas de morte no Pará por defender um patrimônio que é de todos nós: a floresta. É alvo de grileiros de terras e exploradores de madeira. Dia 23 de novembro haverá ato público na pequena
Rondon do Pará, em defesa da vida de Joelma.

Joelma já perdeu o marido, José Dutra da Costa, assassinado em 21 de novembro de 2000 pelos mesmos motivos e pessoas. Atualmente, ela preside o Sindicato dos Trabalhadores Rurais – STR – de Rondon do Pará, que também já foi liderado pelo companheiro hoje falecido.

Em sua simplicidade, mas com a firmeza que caracteriza os defensores de uma causa, Joelma vai direto ao ponto: “Tudo isso acontece, essas mortes, pela falta de política pública da reforma agrária. O latifúndio cada vez mais se empodera, enquanto os trabalhadores lutam e morrem pela terra”.

Diz mais: “É claro que a gente tem medo. O poder de quem manda matar é muito forte. Mas eu quero viver. Meus filhos precisam de mim. A minha comunidade precisa de mim, precisa da Joelma viva, não a Joelma morta”.

O vídeo abaixo é parte da campanha pela vida de Joelma e outros ameaçados de morte naquela região. Foi produzido pelo MHuD – Movimento Humanos Direitos & LC Barreto.

Indicação do amigo potiguar, Joelson, ativista dos direitos humanos, a partir do Facebook.

Um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s