Semear oportunidades para mulheres e jovens do semiárido

por Sulamita Esteliam

Metade da população do semiárido brasileiro, o equivalente a 10 milhões de pessoas, não possui renda ou conta, exclusivamente, com benefícios governamentais para sobreviver. Seis em cada dez são mulheres, segundo a ASA Brasil – Articulação do Semiárido Brasileiro.

A falta de oportunidades nessas regiões, por outro lado, leva a juventude a migrar. São jovens mais da metade das 520 mil pessoas que abandonaram o semi-árido nos últimos 10 anos, segundo o Iica – Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura. Partem em busca de seus sonhos, e não raro topam com o pesadelo da vida na cidade grande.

O Projeto Semiá, que será lançado nesta quarta, 29, em Afogados da Ingazeira, sertão pernambucano, se propõe a intervir, propositivamente, nesse processo. Vai investir R$ 1,5 milhão na geração de emprego e renda para mulheres e jovens do Sertão do Pajeú (PE) e Sertão do Apodi e Alto Oeste, no Rio Grande do Norte. A solenidade de lançamento acontece no Clube Campestre, a partir das 9:30 – aqui, neste blogue.

É uma semente, que pode se multiplicar em viçosos frutos.

A área de ação do Semiá inclui quatro municípios pernambucanos: São José do Egito, Tabira, Carnaíba e Afogados da Ingazeira; e quatro do Rio Grande do Norte: Antônio Martins, Doutor Severiano, São Miguel e Caraúbas. Envolve, diretamente, 60 grupos de mulheres e 20 de jovens, beneficiando de forma indireta, respectivamente, 500 mulheres e 100 jovens agricultores.

O objetivo é incentivar a produção, o beneficiamento e a comercialização de produtos da agricultura familiar. Durante dois anos, o Semiá vai oferecer treinamentos para integrar o PNAE -Programa Nacional de Alimentação Escolar e PAA – Programa de Aquisição de Alimentos. As atividades incluem, ainda, capacitação em gestão de empreendimento, implantação de unidades de produção agrícola e contrato com empresas de comercialização.

O Semiá é uma ação da ONG Diaconia em parceria com a agência de cooperação inglesa Tearfund e financiada pela Comissão Europeia.

Para saber mais ou participar, ligue para a Diaconia Sertão do Pajeú: (87) 3838 1056.

***************************************

Com informações da Assessoria de Comunicação da Diaconia Recife.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s