Para entrar setembro e antecipar a primavera, poesia

por Sulamita Esteliam

Nada de notícias, boas ou ruins, estou delas saturada. Hoje é sexta, e estou para poesia. Página em branco à espera das palavras, que teimam em não chegar. 

Então, melhor buscar socorro.

Penso em Márcia Maracajá, que fugiu para Garanhuns para respirar harmonia e repartir ternura com a pequena Júlia. Sem adereços.

Viajo na ponta dos dedos.

Busco o sítio onde espalha poemas, de lavra própria. E eis que lá encontro a delicadeza de Cecília. Versos que, à menina que eu fui, e que ainda habita em mim, costumava esvoaçar.

Compartilho-os, para anunciar setembro e antecipar a primavera:

VOO

CECÍLIA MEIRELES

mão borboleta

Alheias e nossas
as palavras voam.

Bando de borboletas multicores,
as palavras voam.
Bando azul de andorinhas,
bando de gaivotas brancas,
as palavras voam.

Voam as palavras…
como águias imensas.
Como escuros morcegos
como negros abutres,
as palavras voam.

Oh! alto e baixo
em círculo e retas
acima de nós, em redor de nós
as palavras voam.

E às vezes pousam.


3 comentários sobre “Para entrar setembro e antecipar a primavera, poesia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s