‘Brasas e ondas fulgurantes’ nos versos de Jomard

por Sulamita Esteliam
Grafite na pista de skate do Parque Dona Lindu, na Praia de Boa Viagem - SE
Grafite na pista de skate do Parque Dona Lindu, na Praia de Boa Viagem – SE

Uma infinidade de assuntos sacolejam em meu juízo à espera de uma definição. Mas hoje é segunda, véspera da minha viagem de retorno ao Recife, e cá estou a paparicar o neto caçula.

Entretanto, para começar bem a semana de trabalho, vamos de poesia, enquanto reúno material sobre tudo que rolou no #OcupeEstelita no domingo.  Sei que foi sucesso total.

A questão é o devir…

Como vocês, Jomard de Britto, poeta pernambucano de boa cepa, em mais um de seus instigantes atentados poéticos, que A Tal Mineira agradece de coração:

 

QUEM TEM MEDO das PRAIAS?

Brasil em brasas.
Ondas fulgurantes.
Terreiro eletrônico de nossas CONTRA-
dições  e dicções.
Da miséria da economia política
à invenção e inversões da economia
LIBIDINAL, tal e qual nada desigual.
Ondas fulminantes.
Salve-se quem souber dos Maestros
Spok, Forró, Canibal, Xico Sá, Nega do Babado…
Por que o “sentimento anttipolítica continua
inalterado”?  Ou famigerado?
SEMBLANTES & FICANTES
Por que tanto tremor das praias
além do apenas futuro?
A sexualidade sempre brincante, lúdica,
musical, em DEVIRES, mutações.
Contra os dogmatismos, cartilhas,
condomínios e falocratismos.
A auto-censura continua sendo
ao infinito a mais cruel e comodista
prática dos entretenimentos e dos
conformadores de opinião.
Tudo pelo CONTINUUM
das investigações e reinvenções em processo.
Recife, maio de 2014.
Jomard Muniz de Britto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s