A disputa da narrativa em defesa da comunicação e das liberdades democráticas; e o chapéu do A Tal Mineira

por Sulamita Esteliam

Começo a semana com um apelo às pessoas que me dão a honra de acesso a este blogue, que, como sabem, não desfruta de qualquer tipo de financiamento. É trabalho voluntário, por que a disputa de narrativa é mais do que necessária, desde sempre, e particularmente em tempos sombrios.

No fim desta semana vou para São Paulo participar do 6º Encontro Nacional de Blogueir@s e Ativistas Digitais. De lá sigo para Curitiba para visitar o Acampamento Marisa Letícia, de apoio à Vigília Lula Livre. Quero ver de perto e, naturalmente, escrever a respeito com a propriedade que meus olhos e ouvidos puderem captar.

Com o auxílio luxuoso da filha caçula, consegui juntar milhas e descontos que garantem as passagens aéreas. Em Sampa, tenho hospedagem. Agora, preciso amealhar a grana para outras despesas de viagem: translados, alimentação, taxas e hospedagem na capital do Paraná.

Pelos meus cálculos, coisa de R$ 1.500,00.  Meu recurso é óleo de peroba na cara dura e passar o chapéu entre amig@s e navegantes, O que faço, antes de compartilhar as informações sobre o BlogProg6.

Quem puder e quiser pode usar a seguinte conta para depósito:

Ideias e Letras Comunicação

Esteliam & Estelian Comunicação integrada Ltda (razão social)

cnpj: 13.602.046/0001-22

Caixa Econômica Federal

Agência 0867 Operação 022 Conta 238-6

Aí, você pode estar matutando com seus botões: ora, ela tem uma empresa de comunicação e está apelando para financiamento coletivo? Sim, pelo simples fato de que a empresa, aberta para dar suporte aos freelas, está inativa desde 2015; por razões pessoais e, depois, porque o mar não está para peixe… Mantive a conta, entretanto.

Certamente que sou, desde já, muitíssimo grata pelas eventuais contribuições; todo e qualquer valor é bem-vindo. Agradecimento a ser reiterado com os créditos na cobertura do BlogProg6 e das atividades por #LulaLivre em Curitiba.

*******

Isto posto, digo que o 6º Encontro de Blogueiros se dá em cima de tema emergencial para o Brasil que se quer para todos os brasileiros e brasileiras: Em Defesa da Democracia e Contra os Retrocessos.

Acontece dias 25 e 26, na capital paulista, no Sindicato dos Engenheiros, que fica à Rua Genebra, 25, na Bela Vista. Foi lá o 1º BlogProg em 2010, quando se tornou inadiável discutir a democracia nas comunicações a partir de ações concretas.

Disputa de narrativa contra-hegemônica, é preciso ressaltar.

Hoje como há oito anos, a mídia comercial, convencional, venal trabalha a serviço dos ideais da casagrande; ela própria é a casagrande. Tanto é verdade que os irmãos Marinhos, para citar o topo da cadeia monopolista, estão na lista dos mais ricos do Brasil, , salvo engano em quinto lugar – naquele 1% que nada de braçada sobre a desgraça da patuleia.

Sete famílias dominam a comunicação no País. Jogam o jogo sujo de sabotar os direitos dos trabalhadores, classe média incluída, não se engane. Fazem o jogo sujo do rentismo, do entreguismo do patrimônio e da soberania. Não importa a que preço.

É luta de classes explícita, onde o capital usa a força do dinheiro para sufocar o trabalho, domando-o a seu bel prazer.

Naquele ano de 2010, a presidenta da ANJ – Associação Nacional de Jornais declarou com todas letras o papel da mídia brasileira: “assumir a oposição, já que não há oposição consistente”.

Ainda era governo Lula, o segundo. Ano eleitoral, como agora. Vencemos a disputa e Dilma Rousseff foi eleita.

O cenário atual é infinitamente mais grave. Dilma foi reeleita, mas deposta num impeachment fraudulento. Lula está preso, condenado sem provas e sem crime, únicamente para impedir que seja candidato, e por que, candidato, volta a ser presidente do Brasil.

José Dirceu está de volta á prisão,de onde não sai vivo, porque já passa dos 70 e tem 30 anos de cadeia a cumprir. Também condenado sem provas, “porque a literatura jurídica me permite”, confessou Rosa Weber, ministra da corte suprema.

A barbárie grassa. Marielle Franco, vereadora do PSol no Rio de Janeiro, e seu motorista Anderson Gomes foram executados há 70 dias, e até hoje a polícia não revelou seus assassinos.

Lideranças políticas e dos movimentos sociais, como ela, estão sendo mortas ou perseguidas, pelo simples fato de são trilhar o caminho do pensamento único e emburrecedor e paralisante, ecoado à exaustão pela mídia nativa.

Vivemos um Estado de exceção, onde a liberdade e os direitos civis são violados pelo conluio entre os poderes da República e a mídia venal, golpistas de primeira hora.

Pindorama segue de ponta-cabeça sob a batuta do usurpador golpista, mas para mídia, o problema é a o país vizinho, a Venezuela. O PIG não engole que Nicolás Maduro tenha ganhado as eleições, mais uma vez. Diz que não vale porque a abstenção superou 50%.

Ocorre que lá o voto não é obrigatório, e a oposição, bem no nível do que foi a dos governos petista aqui, joga o quanto pior melhor, e trabalhou pela abstenção – vale o artigo de Fernando Brito, no Tijolaço, a respeito.

E é contra isso, a manipulação despudorada dos fatos, vendidos com verdade única, que a blogosfera alternativa trabalha. Já são cinco encontros realizados. O último foi há dois em Belo Horizonte, capital das Minas Gerais, minha Macondo de origem

O 6º Encontro de Blogueir@s e Ativistas Digitais ocorre, portanto e mais uma vez, no momento em que a democracia, @s trabalhadores, o Zé e a Maria Povinho são duramente atacados.

Momento oportuno para fortalecer a trincheira da comunicação alternativa.

Eis a programação, a partir do sítio Barão de Itararé, centro de estudos midiáticos, coordenador do evento:

Sexta-feira, 25 de maio, às 18 horas
A situação política e a batalha de ideias
  • Gleisi Hoffmann (PT);
  • Manuela D´Ávila (PCdoB);
  • Guilherme Boulos (PSOL);
  • Roberto Requião (MDB)
Sexta-feira, às 22 horas
Confraternização
Sábado, 26 de maio, às 9 horas
As regressões na área da comunicação. 
  • Renata Mielli – coordenadora-geral do FNDC;
  • Maria José Braga – presidenta da Fenaj;
  • Jean Wyllys – coordenador da Frentecom [*];
  • José Trajano – jornalista esportivo.
Sábado, às 14 horas

Rodas de Conversa (troca de experiências) com a moderação de blogueir@s

Sábado, às 16 horas
Plenária Final – discussão e aprovação da “Carta de São Paulo” e eleição da nova comissão nacional do BlogProg
[*] Ainda não confirmado
INSCRIÇÕES
O valor da adesão é de R$ 100 e dá direito à certificado de participação.  A  inscrição online termina às 23:59hs desta segunda, e pode ser feita clicando em https://doity.com.br/6-encontro-de-blogueiros
Mas quem perder a vez, pode inscrever-se durante o credenciamento prévio no local do encontro.

 

 


Um comentário sobre “A disputa da narrativa em defesa da comunicação e das liberdades democráticas; e o chapéu do A Tal Mineira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s