De amor e de sonhos de um Brasil para seu povo…

Lula encerra terceira caravana com ato com intelectuais no Rio – Foto: Ricardo Stuckert
por Sulamita Esteliam

A ideia era fazer um tricô bem flexível em torno de alguns acontecimentos importantes no fim de semana que passou. Mas só consegui chegar ao blogue agora, às 22 horas, horário do Recife, e estou deveras cansada para escrever algo que preste.

Não obstante, enumero os fatos, embora tenha que me restringir a um, por enquanto:

1) O encerramento da terceira caravana Lula pelo Brasil, que em seis dias cruzou os estados do Espírito Santo e Rio de Janeiro, visitando 11 cidades. Fechou com ato público, que reuniu cerca de 10 mil pessoas na concha acústica da Uerj, na noite de sexta, e num encontro com artista e intelectuais na tarde de sábado.

A primeira cruzou os nove estados do Nordeste em cerca de 20 dias. A segunda percorreu o centro-norte das Minas Gerais em uma semana.

2) A II Conferência Nacional da Frente Brasil Popular, em São Paulo, que reuniu representantes dos movimentos sociais, dias 09 e 10. Com direito a show de Caetano Veloso e Maria Gadu, no Largo do Batata, comemorativo dos 20 anos do MTST – Movimento dos Trabalhadores Sem Teto.

Sim, aquele show que deveria se dar no encontro do MTST em outubro, e que foi proibido pela Justiça.

Decidiu-se que os movimentos sociais desenvolverão um projeto de Nação a ser submetido ao Congresso do Povo, no primeiro semestre do ano que vem. Leia a Nota Política na próxima postagem.

3) A viagem da presidenta Dilma Rousseff, a legítima, à Argentina para apoiar a ex-presidenta e senadora eleita Cristina Kirchner, alvo de perseguição jurídica. Prova de que o Brasil não está sozinho na ditadura das togas. Como não está só no desrespeito à vontade popular, como mostra a tentativa de fraude eleitoral em Honduras.

Dilma esteve antes em Montevidéu, capital do Uruguais, onde participou, ao lado do ex-presidente José Mujica, do Congresso da Associação Latino-Americana de Sociologia.

Bom, retomemos o encerramento da caravana Lula pelo Brasil.

Lula reuniu artistas e intelectuais na Cidade Maravilhosa, no sábado, e ouviu de Márcia Tiburi, a filósofa gaúcha que encanta gregos e troianos, uma declaração amorosa, de reconhecimento devido, que de fato tem sido sua cruzada pelo Brasil, mas que vindo da boca dela tem outro sentido.

Patos e paneleiros piram.

Capturei no O Cafezinho. Assista e, sobretudo, ouça o que ela diz:

Sempre digo que política não é um convescote de Anjos. Pois, bem no jeito Lula de ser, o ex-presidente, que lidera toda e qualquer pesquisa de intenção de votos, responde aos críticos de seu viés conciliador,

Lembra que , nas palavras do colega Fernando Brito, do Tijolaço, ” política não é um encontro de amigos, quando é uma guerra a ser vencida todos os dias”.

Mais, Lula aponta as saídas para o Rio de Janeiro e para o Brasil: recuperar a indústria naval, a capacidade de investir da Petrobras e priorizar a educação.

Golpistas, patos e paneleiros piram.

Eis o vídeo com o discurso do ex-presidente, capturado no sítio Lula.com.br:

Para fechar, transcrevo, a partir do Conversa Afiada o texto compartilhado do sítio Correio Saturnino, do ex-senador pelo Rio de Janeiro e ex-prefeito da cidade, Roberto Saturnino Braga.

Saturnino Braga, para quem não conhece governou a cidade do Rio de Janeiro nos anos 80, quando estava filiado ao PDT de Leonel Brizola. Decretou, então, a falência do município, em meio a grande polêmica. Foi deputado, vereador e senador por três vezes. Seu partido de origem é o antigo PSB.

Lula, o sábio

por Roberto Saturnino Braga – no Correio Saturnino

Ouvi falar do sucesso da caravana de Lula no Estado do Rio, da vibração do encerramento na UERJ, e fui revê-lo e re-ouví-lo no encontro de sábado pela manhã com artistas, no Othon Palace.

Fiquei efetivamente embevecido. E emocionado. Convencido de que ele é absolutamente imbatível na próxima eleição. Pelo carisma especial, que emerge da sua qualidade essencial, da sua vera origem humilde e popular; pela empatia fascinante que esta origem lhe dá, pela autenticidade, pela verdade da expressão que transmite, pela destreza com que usa a palavra e o gesto, pela sabedoria que a vivência e o sofrimento lhe conferiram.

Lula sempre foi um político extremamente competente, desde sua lide como sindicalista; agora, perseguido, ameaçado, difamado, enviuvado, sofrido, virou um sábio. Sábio no conhecimento, sábio na expressão, sábio no trato humano. Sabe de tudo da política do mundo e do Brasil; sabe o que é o equilíbrio e a maturidade, a dimensão certa do bom-senso; sabe o que é a alma humana e a alma brasileira; sabe dizer tudo o que pensa e o que sabe com uma brasilidade completa, uma qualidade brasileira insuperável.

Parece que tudo isso lhe deu saúde também: Faz tempo que não o via com tanta energia, com uma aparência tão hígida, tão animadora. Tudo isso contaminou em expansão e entusiasmo uma plateia grande, não sei quantos, um salão repleto de gente sentada e em pé por mais de duas horas.

Escutou comentários e incentivos prévios do grande Leonardo Boff, do cineasta Luiz Carlos Barreto, das professoras Isabel Lustosa e Marcia Tilbury, da atriz Beth Mendes, todos componentes de uma mesa bem presidida pelo nosso Emir Sader, e de dois outros também sentados à mesa, porém nitidamente escolhidos para um desempenho relevante na próxima eleição: o ex-Ministro Celso Amorim e o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad.

Do primeiro, Celso Amorim, Lula definiu o desempenho desejado: Governador do Estado do Rio de Janeiro. Lançou o apelo para que aceitasse a missão difícil, e escutou da plateia o forte e uníssono clamor da aprovação, como se todos já esperassem aquela indicação. Eu também clamei com entusiasmo e disse para dentro de mim: Hosana!

O segundo foi também destacado como um indicado para missão de relevo. Só não foi explicitada esta missão. Ficou como um coringa desde já mobilizado, para uma tarefa magna a ser posteriormente definida.

Saímos todos em júbilo, sentindo que foi um encontro profundamente marcante de uma trajetória que o Grande Capital e seus estipendiados tentam barrar com novos golpes.

Terão certamente enorme dificuldade.

Lula é o mais completo e brilhante representante do povo brasileiro.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s