Covardia, bravata ou intimidação golpista, o capiroto-presidente extrapola todos os limites

por Sulamita Esteliam

Bem que a gente merecia cultivar a dose de felicidade que mulheres e homens atletas nos proporcionaram ao longo das Olimpíadas de Tóquio. As mulheres, então, fizeram história, e o Nordeste também, sobretudo a Bahia. Salve, salve!

Mas parece impossível a gente ser feliz de novo, ao menos enquanto formos desgovernados pela aberração que ocupa o palácio presidencial.

Não basta ser genocida de mais de meio milhão de brasileiras e brasileiros pelo descaso e irresponsabilidade no controle da pandemia de Covid-19. 

O semestre já virou e ainda não chegamos a um quarto da população brasileira imunizada com as duas doses mais dose única de vacinas. E a primeira dose só chegou a metade do povo acima dos 18 anos.

Não basta manter milhares de compatriotas – já que mastigam o sentido da palavra e obram sobre ela dia e noite, cotidianamente – famintos, sem teto, sem horizonte. 

Se o Congresso não tomar tento, ainda que tardiamente, daqui há pouco não se tem direito a carteiro batendo em sua porta, já que até os Correios o Centrão aceita vender em troca de benesses umbilicais.

Tem que matar a esperança também.

Tem que pisotear a dignidade.

Tem que cachoalhar todos os fantasmas e exibi-los à luz do dia, como títeres do precipício trevoso.

Se é blefe, canalhice ou balbúrdia, trapaça ou palhaçada, passou de todos os limites.

Colocar tanques e armamentos na Esplanada dos Ministérios, na Praça dos Três Poderes no dia previsto para a votação da PEC do voto impresso no plenário da Câmara, é mais do que provocação inconsequente ao Congresso: é intimidação golpista, claramente.

Não se pode fazer de conta que é brincadeira, levadeza de um desmiolado.

É ameaça, e é crime. É violar a Constituição que deveria ser o guia de qualquer governante com um mínimo de compromisso democrático.

O Congresso vai aceitar?

Quem da minha geração tem memória, ou fez o dever de casa no estudo da História deste país, há de se lembrar ou saber: em 1984, o projeto da Emenda Dante de Oliveira –  nome do deputado autor da PEC que restabelecida eleições diretas para presidente – foi derrotado  por 298 votos a 6 mais 3 abstenções.

Dois dias antes, o general Newton Cruz, chefe do SNI, comandou um desfile de 6m mil soldados e 116 tanques e blindados pela Esplanada dos Ministérios, sitiando o Congresso Nacional. 

A pressão surtiu efeito e 113 deputados se ausentaram da votação. Apesar da maioria obtida, seriam necessários 320 votos para a emenda constitucional passar pelo crivo do Senado.

Bravata, intimidação ou arruaça. Ou, ainda, como quer o presidente da Câmara e chefe do Centrão, Arthur Lira (PP-AL), “trágica coincidência”.

Seja o que for, alguém precisa mostrar ao capitão e seus generais mamulengos, que esse país não aceita mais ditadura e já se cansou da exibição cotidiana no picadeiro.

E as Forças Armadas, tão vetustas e ciosas de seus deveres para com a nação brasileira, quem diria, se prestam, como bem define o colega Fernando Brito, ao papel de “soldadinhos de chumbo”  do  – aí digo Euzinha – capiroto travestido de comandante de si mesmo.

Do que li, a única voz do Parlamento a reagir energicamente ao absurdo foi a do vice-presidente da CPI do Genocídio, senador Randolfe Rodrigues:

Sim é o Tijolaço, o blogue do Brito, que capturei a imagem que abre esta postagem.

*******

Fontes requisitadas:

Jornal GGN

Ameaça? Bolsonaro planeja desfile com tanque de guerra no dia da votação do voto impresso 

Estadão vê “ameaça de golpe” e Folha pede o impeachment de Bolsonaro

Tijolaço

Militares seriam ‘soldadinhos de chumbo’ de Bolsonaro?

Jornalistas pela Democracia/Helena Chagas

Bolsonaro, encurralado, só quer Tumultuar

Agência Senado

Senadores repudiam desfile militar anunciado por Bolsonaro

Agência Câmara

Lira afirma que desfile de tanques na Esplanada nesta terça-feira é uma ‘trágica coincidência”

Câmara pode votar PEC do voto impresso nesta terça-feira

*******

Postagem atualizada em 11.08.2021, às 21:33 horas: correção de erros de digitação e de ortografia.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s