No Reino dos Tucanos, do Urubu Rei e no Reino das Estrelas

Marlos Guedes (*1) – especialmente para o A Tal Mineira
Urubu Rei - Imagem capturada na internet
Urubu Rei – Imagem capturada na internet

O Urubu Rei recomenda:

Alimente-se com boa informação. Isto é saudável e combate a desnutrição da mente. E, também, psicologicamente falando, você fica menos confuso. E, na hora em que você precisar tomar uma decisão, então, vai ficar mais fácil escolher um caminho.

Soube que vocês, no próximo dia 26, terão que escolher uma chefa ou um chefe do Poder Executivo. E terão pela frente uma longa viagem, com quatro anos de duração. Uma disputa entre duas pessoas oriundas de reinos diferentes. Uma do reino das estrelas e um do reino dos tucanos.

Há quem pense que eu gosto de carniça. Isto não é verdade. Prefiro carne fresca, assim que o bicho morre. Se não tem outra opção, aí eu enfrento algo não muito saudável para minha natureza de rei. No meu reino, os urubus comuns disputam seu prato predileto com os miseráveis humanos, largados em meio aos lixões que vocês mesmos produzem. Política e economicamente, os humanos chamam isso de desigualdade social e impossibilidade de acesso as enormes riquezas que vocês fazem e que a natureza oferece.

Assim como vocês, eu também tenho minhas preferências. E uma delas é estar de bucho cheio, outra é poder viajar por aí. Gosto de sentir a poesia que a natureza, generosamente, oferece a cada instante. Sou ligado em cultura e, aí, sem inveja, fico horas ouvindo meus irmãos pássaros cantando músicas instrumentais. Ao anoitecer, depois de um dia de trabalho duro, limpando o meio ambiente, eu pego meu controle remoto e abro as cortinas do céu. A lua me fascina, mas as estrelas têm um brilho muito especial. Então, durmo o sono dos justos.

Ultimamente ando pensando em nossa terra brasileira e, como viajo muito, posso sentir o cheiro que exala em cada canto deste paraíso tropical. Outro dia encontrei um “tucano do bico doce”. Eu estava em Anápolis, maio deste ano. Hoje eu não quero falar de números ou estatísticas econômicas. Portanto, sigo na prosa. Ela, a estrela Dilma, foi entregar um longo trecho da Ferrovia Norte-Sul ao povo de Goiás representado pelo tucano governador, Marconi Perillo. Então, o tucano abriu o bico e falou (*2):

modos“A senhora é uma grande estadista, uma grande republicana e tem o meu profundo respeito, a minha gratidão, a gratidão dos goianos. A senhora é séria, íntegra, republicana e honesta. Eu não devo satisfação a ninguém a não ser à minha consciência e ao povo de Goiás, mas a senhora merece os meus elogios públicos “- afirmou o governador.

E disse mais: “Se não vivemos uma crise maior em função de toda a crise mundial é porque a senhora foi sábia, a senhora injetou recursos”.

Nossa estrela, Coração Valente, agradeceu com as seguintes palavras (*):

“O Brasil mudou muito e hoje somos capazes de construir parcerias republicanas entre presidente e governadores de partidos diferentes; entre presidente e prefeitos de partidos os mais variados. Fomos eleitos para representar a população. Eu tenho a honra de representar todos os brasileiros e brasileiras. O governador representa os goianos e as goianas; o prefeito, os anapolinos e as anapolinas, independentemente das nossas diferenças partidárias, políticas, religiosas e futebolísticas. É um sinal de maturidade do nosso país e de avanço da nossa democracia.”

Fiz muitas outras viagens e tenho muitas histórias para contar. Hoje, infelizmente, não posso me alongar. Fiquemos por aqui. Apenas, adiante, algumas palavras deste grande pássaro e humilde servidor de todos os humanos.

Quero agradecer ao poeta do sertão nordestino, Zé de Guedes (*3), que escreveu dois poemas em minha homenagem. Zé de Guedes é do reino das estrelas. E ficou na minha memória o final do segundo poema E Tu, Que Fazes? “Se uso minhas asas, o meu olhar e o meu bico pra fazer o meu ofício/ E achas tu meu trabalho repugnante/Vos digo: eu limpo a natureza/ E tu? Que fazes?”

Nos últimos tempos, por conta de Coração Valente, eu vi pessoas em suas novas casas, filho de pobre numa faculdade do exterior e vi navios gigantes navegando pelos mares. Vi uma nação sair do mapa da fome, vi uma melhor distribuição de renda, vi escolas técnicas por todos os lugares e vi a cultura ganhar forças e pluralidade. Vi muitas coisas, no entanto, a mais importante de tudo que vi é a diferença entre os dois reinos.

No reino dos tucanos, eu vi uma nação de joelhos diante dos Estados Unidos, com um pires na mão pedindo dinheiro ao FMI. Vi um sociólogo falando fino com autoridades americanas.
No reino das estrelas, eu vi outra nação, uma política que cuida das pessoas. Vi um torneiro mecânico dizer adeus ao FMI e falar em pé de igualdade com as autoridades americanas. “É o cara”, disse Obama.
Coração Valente continuou a caminhada rumo ao Brasil de todos os brasileiros, autônomo e independente. E vejo os olhos esbugalhados dos americanos, ávidos pelas reservas de petróleo de nosso pré-sal. E ouviu de nossa estrela mulher: “isto aqui é coisa do povo brasileiro!”

Agora, se me permitem, deixo para a apreciação de vocês um clip da Banda Rhudia, pernambucana de raiz, com o poeta Zé de Guedes e a poesia em minha homenagem. Que eu saiba, já foi publicado neste A Tal Mineira, mas consultei a editora e ela diz que o que é bom se repete. Então, vamos lá:

(*1) – Marlos Guedes, 57 anos. Trabalhou no Banco do Brasil por 36 anos, formado em Psicologia Social, presidiu o Sindicato dos Bancários por três gestões, poeta e compositor musical na Banda Rhudia, Recife.
(*2) – O Globo, 22.05.2014
(*3) – Poesias disponíveis no sítio Recanto das Letras. Zé de Guedes. Banda Rhudia, Recife, gravou Urubu Rei em seu segundo álbum. O clipe de Urubu Rei pode ser acessado na net.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s