‘Não acabou, mas tem que acabar…’ a violência de Estado

A manifestação chegou ao destino: o Cais José Estelita - Foto: FB/#Ocupe Estelita
A manifestação chegou ao destino: o Cais José Estelita – Foto: FB/#Ocupe Estelita
por Sulamita Esteliam

O problema da ditadura é o guarda da esquina, diz bordão herdado dos tempos da longa noite do arbítrio, que,  em 21 anos por pouco sepulta nosso senso de Brasil. A Pátria Amada continua nada gentil.

O guarda da esquina se mantém problema na democracia, talvez por que ainda engatinhante, a democracia. Talvez porque o guarda não conhece seu papel como agente de Estado, ou ache supérfluo pensar, e assim sendo, age como galo na rinha. Talvez porque tenha encontrado na cultura policial o caminho e a desculpa para exercer sua índole. Talvez porque ele próprio não conheça da missa a metade.

“Não acabou, tem que acabar. Eu quero o fim da Polícia Militar…”

É mais que uma palavra de ordem. É o diagnóstico de uma situação absurda.

Cantada a plenos pulmões, coletivamente, em repúdio à violência gratuita de um policial despreparado durante manifestação no Recife em defesa do Cais José Estelita, na noite da quinta-feira. 1º de outubro. Expressa nossa capacidade de nos livrarmos de um entulho-símbolo de uma época que não podemos esquecer, mas devemos enterrar.

Não é a primeira vez.

O bom da história é que os jovens mostram estar bem conscientes do que é preciso ser feito. O melhor da história é que nem mesmo a mídia venal se omite diante de tamanha barbárie.

Lamento encerrar a semana com esse tipo de cena, mas impossível omitir:

 

 

Com a palavra, o senhor governador, Paulo Câmara.

 

 

 


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s