Por justiça e pela democracia, ao vivo o julgamento do HC de Lula

 “Quando o meu coração deixar de bater, baterá pelo de vocês.”
Luiz Inácio Lula da Silva – Rio de Janeiro, 02 de abril de 2018
por Sulamita Esteliam

Daqui a pouco vou para a vigília promovida pelas forças democráticas por #LulaLivre em frente à Câmara Municipal do Recife. Manifestação pacífica para emanar bons fluídos a Lula e à Corte Suprema que julga nesta tarde o Habbeas Corpus em seu favor.

O instrumento jurídico garante a Luiz Inácio Lula da Silva o direito constitucional de aguardar em liberdade o julgamento dos recursos contra sua condenação, sem prova e sem crime, confirmada e ampliada em segunda instância. O TRF-e lebre e morcego, quando e para quem convém.

Deixo aqui o acesso à transmissão ao vivo do julgamento, via STF – para ninguém questionar a fonte.

A sessão promete ser prolongada, como de hábito no Supremo. Quando mais desta feita, sob os olhares do mundo inteiro.

O que não falta é pressão, de todos os lados. Algumas vergonhosas, como o esforço da mídia venal, ou PIG, sobretudo das Organizações Marinho, que se vale até de tuítes, infelizes é certo, do comandante do Exército para tentar botar fogo no País.

 

Definitivamente, o Brasil não merece a mídia que tem.  Comporta-se como vivandeira, a açular os instintos predadores a postos mais do que sempre.

Todos nós queremos o respeito à Carta Magna, esta sim, soberana, ainda que retalhada e violada por uma escória a serviço de interesses privados e nada patrióticos. Dentre eles o da própria midia.

Felizmente, concordo com Fernando Brito, as Forças Armadas ainda tem gente de juízo.  Como o comandante da Aeronáutica.

Em nota, ele fala da importância de as armas seguirem “fiéis à Constituição, sem nos empolgarmos a ponto de colocarmos nossas convicções pessoais acima das instituições“.

Se ficar muito chato, pule para o vídeo abaixo, com o recorte tão somente do discurso de Lula, no Circo Voador, segunda-feira última. O encontro no Rio selou a Frente Única de Esquerda contra o Fascismo e pela Democracia.

Contra a escalada da violência que vitiou Marielle Franco, vereadora do PSol e o motorista Anderson Gomes. A mesma barbárie que promoveu o atentado contra a Caravana Lula pelo Brasil no Sul do País.

O Brasil não merece tal selvageria.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s