Documentário francês expõe a farsa do golpe e o salto do país: do futuro para o abismo

por Sulamita Esteliam

Desde a última quarta-feira, está disponível no sítio Arte.TV G tem (www.arte.tv) o documentário ‘Brasil, o grande salto para trás’, legendado em espanhol. Você não pode deixar de ver.

Retrato da vergonha em que se tornou o Brasil, revelado pelas lentes das jornalistas francesas Frédérique Zingaro e Mathilde Bonnassieux. Em 56 minutos de filme, o roteiro avança até os primeiros meses de 2017.

Começou a ser rodado ainda no ano passado, em plena deflagração do golpe contra a presidenta Dilma Rousseff. Fala do processo de impeachment, da farsa que garfou 54,5 milhões de votos do povo brasileiro.

E tocam no orgulho xenófobo da nação, quando estabelecem o paralelo com nosso vizinho Paraguai, que três anos antes destituiu Fernando Lugo, por motivos semelhantes: políticas voltadas para a base da pirâmide, o que A Tal Mineira chama de Zé e Maria Povinho.

Fala, portanto, do que nos transformamos: um republiqueta de bananas. O salto para o futuro nada mais é do que o mergulho no abismo. Retrocesso político, social e econômico.

Aliás, como a própria Dilma tem denunciado todo o tempo, inclusive no périplo que faz pelos Estados Unidos, como nesta entrevista ao Whashington Post – no Brasil 247, um resumo em português.

No mês de  aniversário do golpe, a presidenta fez conferências em várias universidades estadunidentes. Encerra em Boston, onde e se encontra com sindicalistas. Retorna ao Brasil na próxima semana.

No documentário exibido na TV Arte, Gregório Duvivier, ator, escritor e humorista de esquerda, conduz a maioria das entrevistas, incluindo a da própria presidente da República deposta, Dilma Rousseff, quando ela ainda ocupava o Palácio do Alvorada.

O filme desnuda, claramente, o outro lado, que se locupleta na inversão do papel que realmente representam. Jactam-se do poder que detêm, baseados nas benesses de governos antepassados, do poder do dinheiro, do patrimônio sobre as pessoas, da exploração do trabalho, da negação de direitos.

Pudessem, aboliriam a Lei Áurea, e creem que estão muito próximo disso.

E deixa claro o porquê da destituição de Dilma: os governos encarnados pelo PT tentaram minimizar a lógica que sempre prevaleceu: a de que a casa-grande pode tudo e a senzala tem o direito de ficar calada.

Mas não é bem assim que a banda toca.

Como dizemos aqui, do lado esquerdo do espectro ideológico, a luta continua. A resistência é a nossa guia.

O documentário em francês foi transmitido pela TV franco-alemã ARTE na noite da terça-feira, 18, na França. A versão com legendas em espanhol fica disponível até as 23:59 horas do dia 18 de junho próximo.

Compartilho, aproveite o feriadão para ver com vagar. Clique no link abaixo, pois tentei mas não consegui incorporar o vídeo:


Um comentário sobre “Documentário francês expõe a farsa do golpe e o salto do país: do futuro para o abismo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s